POSTAGEM DO BLOGGER

domingo, 6 de julho de 2014

A CIDADANIA E O ESPORTE

A cidadania
                e o esporte  é respeitar,
                           e participar das decisões da sociedade.

A importância da cidadania é respeitar e participar das decisões da sociedade para melhorar suas vidas e a de outras pessoas. Ser cidadão é nunca se esquecer das pessoas que mais necessitam.

A cidadania consiste desde o gesto de não jogar papel na rua, não pichar os muros, respeitar os sinais e placas, respeitar os mais velhos (assim como todas às outras pessoas), não destruir telefones públicos, saber dizer obrigado, desculpe, por favor e bom dia quando necessário... até saber lidar com o abandono e a exclusão das pessoas necessitadas, o direito das crianças carentes e outros grandes problemas.

Um gesto respeitoso na náutica, é levar na popa de seu barco o pavilhão nacional. Esta atitude reflete bem a educação e o respeito pelo país.

Veja a declaração do jovem Victor José de apenas 11 anos - "O Instituto Náutico de Paraty me proporcionou um conhecimento sobre o mar e os barcos muito legal e o Optimist é um barco que aprendi quase tudo pois foi onde aprendi a orçar, arribar, controlar a cana de leme e principalmente uma sensação de liberdade e confiança." 




Um dos primeiros passos de qualquer cidadão de qualquer pais é saber o hino do seu país. Esta atividade praticada nos eventos fortaleze o espirito cívico. A maioria dos hinos em sua canção ressaltam a representatividade de uma nação.

O hino nacional brasileiro foi criado em 1831 e teve na ocasião diversas denominações antes do título oficial. Nosso hino foi chamado de Hino 7 de abril, em razão da abdicação de D.Pedro I , posteriormente de Marcha Triunfal e, por fim Hino Nacional.



Com o advento da Proclamação da República em 15 de novembro de 1889 e por decisão do Marechal Deodoro da Fonseca, foi promovido um concurso, entre 36 candidatos, para a escolha de um novo Hino Nacional. O vencedor foi Leopoldo Miguez, mais o povo não aceitou o novo hino, o hino de Joaquim Osorio Duque Estrada era popular.


Deodoro um excelente estrategista, chegou a afirmar: “ Prefiro o hino já existente “. Considerou então o resultado do concurso como sendo o Hino da Proclamação da República, composição do maestro Leopoldo Miguez, baseada na poesia do cidadão José Joaquim de Campos da Costa de Medeiros Albuquerque.
   

 Compre aqui nosso livro Náutica Bons Ventos.


Crie um plano para realizar os seus desejos, comece a agir imediatamente, o domínio da sua mente pertence a você. Neste plano utilize imagens, escreva, leia com entusiasmo o seu plano, acredite, realize, bons ventos.   


Disponibilizamos para você como fazer o Optimaster 310,
nosso projeto gratuito.

http://www.4shared.com/zip/ygpouWL_ce/ProjExecutivo2.html


 

EUA, My wooden boat of the week Optimaster 310
Itália, progetto gratis dal Brasile Optimaster 310
 Brasil, projeto gratuito do Optimaster 310.

Consultor Eduardo Marcondes

Aquele que divulga, comenta, compartilha o seu conhecimento, contribui para a Cultura Náutica e Mentalidade Marítima. 
Postar um comentário