POSTAGEM DO BLOGGER

domingo, 17 de maio de 2015

Um dia, a Baía da Guanabara - Sede das Olímpíadas.

 
Rede  Virtual do Conhecimento Náutico 
Convido a você a cadastrar-se na nossa Rede, recebendo no ano de 2016
informações e trabalhos que serão realizados diretamente para você.

Aproveite, cadastre-se agora e convide seu amigo!
Nos ajude a fazer o cadastro Brasileiro da Náutica,
em nossa Rede Virtual Conhecimento Náutico.

         Ter uma  atitude depende apenas de você. Basta tomar uma decisão e e seguir em frente. Naturalmente, novidades e mudanças afetam diretamente a tomada de decisão, entretanto novas atitudes em geral precisam ser tomadas a fim de que  que mudanças venham a acontecer.
Você faz parte deste processo e pode contribuir.

Um dia, o que era ! 

" De manhã cedo,  já todos os passageiros esperam com impaciência e curiosidade,  a bordo,  munidos de binóculos e câmeras;  ninguém quer perder a ocasião de ver a entrada famosa do Rio de janeiro.

                

Mesmo aqueles que já conhece de muitas viagens.  Ainda o mar brilhoso metálico como a dias e dias,  numa monotonia calmante e ao mesmo tempo fatigante, e, não obstante, sente-se a proximidade da terra;  respira-se a terra  antes de vê-la,  pois o mar torna-se der repente úmido, doce e numa exalação pesada vem voando imperceptivelmente, conglomerada,  nas profundidades dos bosques  imensos,  do hálito das plantas e da umidade dos  cálices, aquela  exalação das regiões tropicais,  indescritível ,  quente, mormacenta,  como o vinho em fermentação, que de maneira ensurdecedora,  nos torna  ébrios e cansados ao mesmo tempo. 

                 

Agora, finalmente, muito longe, avista-se um contorno:  uma cadeia de montanhas destaca com alguma incerteza ainda,  nebulosa, e, a medida que  o navio  sulca o seu caminho pelas águas,  vai  sendo avistada mais perceptivelmente é uma série de montanhas que com braços estendidos protege uma das maiores  baías do mundo,  a bela baía da Guanabara.

Todos os  navios  de todas as nações   caberiam aí ao mesmo tempo,  tão vasta e grandiosa ela é, abalando com suas múltiplas  enseadas e  promontórios.  Dentro dessa concha  gigantesca estão espalhadas, como   pérolas, inúmeras ilhas cada uma diferente em forma  e cor.  Algumas mal aparecem,  uniformes e acidentadas,  de dentro do mar ametístico;   podiam-se  tomar,  a distância por baleias,  tão nuas e peladas são suas costas.  Outras são as oblongas e pedregosas,  estriadas como crocodilo;   últimas povoadas de casas;  algumas são as fortalezas, outras assemelham se aos jardins flutuantes com palmeiras e flores; e,  enquanto se admira curiosamente essa variedade inesperada das formas,  com auxílio do binóculo,  vem se destacar ao mesmo tempo,  bem ao fundo,  plasticamente,  as montanhas,  também cada uma delas diferente,  cheia de caprichos.
O tempo, porém, acabou, passou depressa demais, já me chama o apito estridente do vapor. Lindas vistas e magníficos panoramas serão somente uma lembrança deliciosa. "

            Texto de Stefan Zweig, correspondência para Herbst, 1936

O paraíso não é mais o mesmo, em sua águas, que soluções no presente possam determinar o futuro desta grande obra da natureza.










Se desde 1936 para época atual demos conta do recado e contribuímos para que esta bela fachada se deteriora-se, e,  suja, imunda, na realidade atual é de se julgar os lideres, o povo, como incompetentes no seio da pátria. Desculpas, estatísticas, números não retroagem ao que está feito, e muito bem feito.
 
Que novos lideres, que o povo, e aqueles que amam este país trabalhem com afinco no presente para mudar esta realidade. E que estes não passem a bola para os jovens, ou próxima geração, uma desculpa esfarrapada de ignorância e falta de civilidade.



ConhNáutico Classe 49er | Vela Olímpica |

Mudança de Paradigma

Apreciar as pequenas conquistas deve ser um hábito para aqueles que pretendem contribuir para a cultura náutica. Cada pequena conquista tem um sabor especial e toda a conquista, por menor que seja, deve ser elogiada e compartilhada. Não há dúvida de que para alcançarmos o sucesso temos de trabalhar duro por um longo período. Este sucesso não vem da noite para o dia, ele é construído ao longo do tempo. Acredito que, entre os participantes de atividades náuticas, haja muitas pessoas de visão, dispostas a compartilhar novos conceitos; no futuro iremos comemorar juntos o sucesso de nossas ideias.

Página revisada pelo nosso colaborador virtual Jacques Velloso

Cultura Náutica e Mentalidade Marítima

O conhecimento dos livros abaixo permite que você também colabore com a melhoria de nossa cultura náutica e mentalidade marítima. Se você gostou de nosso trabalho, cadastre-se em nosso blog, divulgue, compartilhe – torne-se um membro efetivo mediante sua participação.

Lembro a você que quando se adquire conhecimento, domina-se algo novo. A decisão de adquirir conhecimento novo depende apenas de você. Quando você não compartilha a nova informação que adquiriu e que gostou, o valor dela se torna menor. Valorize seu novo conhecimento, compartilhando-o com seus amigos. As leis naturais são sábias; se você compartilhar, terá um retorno maior para o seu próprio crescimento. Experimente e cresça conosco.

Por que motivo divulgamos a venda de nossos livros? Todo o nosso trabalho procura atingir os objetivos que almejamos, e para tanto são necessários recursos financeiros, que nem sempre estão disponíveis. Temos a certeza que você sabe muito bem como funciona. Torcemos para que você compre um livro. Somos seres humanos na busca de um ideal, procurando obter resultados com a realização de nosso trabalho. Ao comprar um livro estará nos ajudando a desenvolver novos projetos.

Compre aqui um de nossos Livros Publicados.

Com este livro você terá acesso a informações que lhe permitirão construir o seu primeiro barco. O livro contém todo o projeto do Optimaster 310 e informações relevantes para a construção amadora.




Adquirindo este livro você terá as informações passo-a-passo da construção do Optimaster 310. Com esta experiência você definitivamente estará integrado no mundo da construção amadora. Este livro lhe ensinará a fazer o Optimaster 310 para seu uso ou para a sua Escola de Vela. 

Lendo este livro você estará dando os primeiros passos para dominar  o conhecimento náutico básico. Irá se preparar para a sua primeira velejada, conhecendo a magia deste esporte encantador. 

O portfólio de fotos da Classe Star contém um relato histórico e fartamente ilustrado da criação da Flotilha Paranoá e de seus velejadores. O portfólio lança um olhar sobre o Lago Paranoá, que com a sua beleza plástica permite a prática de esportes náuticos em toda a sua extensão.
Coletânea de fotos da flotilha de veleiros Delta 26 de Brasília que singram o lago artificial de Brasília, o Lago Paranoá. Velejadores experientes, esportistas e famílias e navegam neste excelente barco, principalmente nos finais de semana.
Um livro escrito em 1947 por Lélio Graça, meu avô, no qual conta todo seu amor pela vida, através de suas poesias e cartas. Um exemplo para os netos e bisnetos se preocuparem com a sua vida e, ao passar por ela,  deixarem um futuro registro.

Utilize a tecnologia.



Colocamos em nossa pagina um código QRCODE. Com ele você pode baixar um programa para o seu celular e ativar o aplicativo. Pode também disponibilizar o aplicativo para seus amigos. Nesse aplicativo, disponibilizamos para você, gratuitamente, o projeto para fazer o Optimaster 310 4shared Mobile





O nosso projeto gratuito Optimaster 310 lhe permitirá entrar no mundo da construção naval amadora. Construa primeiro a maquete, a fim de que você tenha uma ideia básica do conjunto da construção do seu primeiro veleiro. Na execução do projeto você deve transpor as medidas, sem ampliar o tamanho dos desenhos disponibilizados. O nosso projeto no é aplicativo é gratuito Google Drive

 
 
 

A primeira etapa de quem executa um projeto é estudar.  Dominar o conhecimento necessário, uma ação que deve ser considerada como prioridade, pois  envolverá a decisão final de levar adiante o projeto. Você pode tirar dúvidas diretamente com o idealizador e consultor Eduardo Marcondes: rqmarcondes@terra.com.br  Este projeto foi idealizado de modo a que você, na sua localidade, tenha acesso a todos os materiais necessários para a construção. Também disponibilizamos para você vídeos para estudo através do Canal Youtube
 
 


A nossa Rede Virtual do Conhecimento Náutico oferece a você uma coletânea de publicações que lhe ajudarão em seus estudos no âmbito da cultura náutica e da mentalidade marítima. Você pode conhecê-las na nossa Rede Virtual do  Conhecimento Náutico
 
 
 
 
 

Colabore, faça uma doação.

Por vezes refletimos sobre trabalhos fantásticos realizados por pessoas que buscam um determinado objetivo e têm êxito. Na nossa cultura não temos o hábito de fazer uma doação, mas é lógico pensar que estas pessoas tem a necessidade de obter recursos para o desenvolvimento de seus projetos.
Gostamos muito de receber, e de várias pessoas recebemos trabalhos de relevo; nos sentimos satisfeitos quando realmente o trabalho tem intenções louváveis.

Nesta hora de reflexão, sabemos que você pode fazer a diferença. Pois a sua doação será aplicada no desenvolvimento dos processos e dos projetos, de forma a alavancar e conquistar nossos objetivos. Desde já agradecemos a sua participação, o que nos motiva a cada dia melhorar mais.

 
Em um dado momento refletimos sobre trabalhos fantásticos realizados por pessoas que buscam um objetivo. Na nossa cultura não temos o hábito de fazer uma doação, é lógico pensar que estas pessoas tem a necessidade de obter recursos para o desenvolvimento de projetos.
Gostamos muito de receber, e recebemos destas pessoas um grande trabalho, e nos sentimos satisfeitos quando realmente o trabalho é bom, e bem intencionado.
Nesta hora de reflexão, sabemos que você pode fazer a diferença, pois a sua doação será aplicada no desenvolvimento dos processos, dos projetos, de forma a alavancar e conquistar nosso objetivo. Desde já agradecemos a sua participação, o que nos motiva a cada dia melhorar.


Aquele que divulga, comenta, compartilha o seu conhecimento, contribui
para a Cultura Náutica e Mentalidade Marítima.
Postar um comentário